Você está aqui: Início > Sobre nós > Fundação Galp Energia > Entidade do mês
  • PT
     
  fechar
partilhar
 
fechar
 

Entidade do mês  
 

Entidade do mês – Última Edição de junho 2013

Entidade do mêsA Fundação Galp Energia agradece o interesse demonstrado na iniciativa Entidade do Mês patente no número de candidaturas que foi recebendo ao longo de cerca de dois anos. De facto, durante esse período, várias foram as entidades que estiveram em destaque na página da Fundação Galp Energia, inserida no portal da Galp Energia, um dos portais corporativos mais visitados diariamente em Portugal.

 

 

Esta iniciativa procurava ajudar a divulgar o trabalho, tantas vezes desconhecido, das inúmeras entidades do Terceiro Sector que diariamente se esforçam e empenham na melhoria da qualidade de vida da comunidade. A Entidade do Mês passou a ser um espaço de destaque e modesto reconhecimento a estas entidades. Também internamente, ao nível dos colaboradores da Galp Energia, esta foi uma iniciativa muito notada, uma vez que além de publicação online, os conteúdos cedidos pelas Instituições eram também comunicados através das ferramentas de Comunicação Interna, que chegam a um universo de cerca de 7000 colaboradores.

 

Nesta última edição, a Fundação não podia deixar de destacar as entidades que se candidataram, mas que ainda não tinham tido a oportunidade de ser contempladas. Neste sentido, durante o mês de Junho, e depois de forma permanente no histórico online da Entidade do Mês, alojado no site da Fundação Galp Energia, será feita a devida divulgação do trabalho dessas entidades.

 

A Fundação Galp Energia felicita todas as Entidades com quem partilhou este espaço pelo meritório trabalho desenvolvido em prol da comunidade!

Entidades contempladas:

Associação Conversa Amiga

Associação Conversa Amiga

A Associação Conversa Amiga (ACA) é uma Instituição de Solidariedade sem fins lucrativos, que actua em contexto de solidão e exclusão humana. É através da conversa que podemos compreender o que as pessoas precisam e desejam, tratando-as com paridade e igualdade. O nosso primeiro instrumento de ajuda é a "conversa", de onde resultam as ideias e os projetos da ACA.

 

Ver fotografias

 

www.conversa.pt 

 

BUS – Bens de utilidade social

BUS – Bens de utilidade social

A Associação BUS é constituída por um grupo de pessoas que há algum tempo desejava ajudar famílias carenciadas e Instituições de solidariedade social, através de um projecto inovador e que dá resposta a uma necessidade real. 

 

Ver fotografias

 

www.bensutilidadesocial.pt

 

Centro Social 6 de Maio

Centro Social 6 de Maio

O Centro Social 6 de Maio procura, através dos princípios da justiça, solidariedade e fraternidade, sensibilizar a população para o seu importante contributo no desenvolvimento pessoal e coletivo. Procura uma melhor inserção social, educativa e familiar, a todos os indivíduos, preferencialmente os mais carenciados e excluídos, e contribuir para que estes adquiram competências pessoais e sociais de forma a exercer a plena cidadania, num espirito de solidariedade humana e cristã.

 

Ver fotografias

 

www.cs6maio.pt

 

Casa das Cores

Casa das Cores

A Casa das Cores é um Centro de Acolhimento Temporário para crianças em perigo, dos 3 aos 12 anos, do MSV - Movimento ao Serviço da Vida. São crianças cuja proteção passa, num determinado momento das suas vidas, pela institucionalização. Nesta Casa encontram um ambiente saudável e equilibrado, que lhes permita construir um projeto de vida mais feliz. Ao mesmo tempo, trabalhamos as necessidades de cada família e capacitamos os seus membros para que possam ser parte desse projeto de vida.

  

Ver fotografias

 

www.casadascores.pt

 

Associação de Pais e Amigos da Freguesia de Cunha

Associação de Pais e Amigos da Freguesia de Cunha

A Associação de Pais e Amigos da Freguesia de Cunha é uma Instituição Particular de Solidariedade Social com sede e instalações próprias na freguesia de Cunha - Braga. Atuamos na área da infância, juventude, e terceira idades através de 5 respostas sociais, nomeadamente: Creche, Atividade de Tempos Livres, Centro de Dia, Serviço de Apoio Domiciliário e Estrutura Residencial para Idosos. Através de um serviço descentralizado da Segurança Social, constituído por uma equipa multidisciplinar, prestamos ainda apoio à população mais carenciada de 24 freguesias do concelho de Braga no âmbito da Ação Social e do Rendimento Social de Inserção na nossa valência de Serviço de Atendimento e Acompanhamento Social.

 

Ver fotografias

 

http://centrosocialcunha.com/

 

No meio do nada

No meio do nada

A Associação tem como MISSÃO prestar serviços de apoio de natureza moral e material a pessoas e grupos que deles careçam, nomeadamente a pais e familiares com vivências em cuidados intensivos Neonatais e pediátricos, promovendo um equilíbrio bio-psico-social e familiar. De acordo com as necessidades identificadas, fornecemos: apoio psicológico, apoio monetário destinado a viagens, medicação, ajudas técnicas, alimentos, brinquedos, papas e leites para bebés e alojamento.

 

Ver fotografias

 

www.nomeiodonada.pt

 

Centro Social dos Montes Altos

Centro Social dos Montes Altos

O Centro Social dos Montes Altos é uma instituição particular sem fins lucrativos sediada em Montes Altos, freguesia de Santana de Cambas, concelho de Mértola. Constituído em 1993, a sua atividade principal é o apoio à população idosa, possuindo para o efeito as respostas sociais de Estrutura Residencial para Pessoas Idosas, Serviço de Apoio Domiciliário, centro de Dia e de Convívio.

  

Ver fotografias

 

www.csma.pt

 

Associação Popular de Apoio à Criança

Associação Popular de Apoio à Criança

A APAC, Associação Popular de Apoio à Criança, situada na Póvoa de Santa Iria, Concelho de Vila Franca Xira, é uma Instituição de Solidariedade Social (IPSS), do tipo associativo e sem fins lucrativos. Dispõe das valências de Creche Familiar, Creche Interna, Pré-escolar e A.T.L., com um total de 730 utentes. Desenvolve uma política de responsabilidade social, educativa e solidária junto da comunidade escolar e local.

 

Ver fotografias

 

www.apac.pt

 

APPACDM da Maia

APPACDM da Maia

A APPACDM da Maia apoia pessoas com deficiência mental, promovendo a sua integração na sociedade, nomeadamente através de dois Centros de Atividades Ocupacionais, onde os utentes desenvolvem as suas capacidades psico-motoras e as suas competências sociais. Futuramente, os seus serviços serão mais abrangentes, com a abertura do Lar Residencial, obra para a qual está neste momento a angariar fundos.

 

Ver fotografias

 

www.appacdmmaia.pt.vu

 

Associação Humanitária Mão Amiga

Associação Humanitária Mão Amiga

A Associação Humanitária Mão Amiga é uma IPSS sediada na freguesia e concelho de Albergaria-a-Velha, criada em 1999 que, atualmente tem 4 Respostas Socias: Um Centro Acolhimento Temporário com capacidade para acolher 20 crianças até aos 10 anos vítimas de maus-tratos, negligência, abuso sexual, etc; Uma Creche com capacidade para 80 crianças; Um Jardim Infância com capacidade para 44 crianças e um Centro Apoio Familiar e Aconselhamento Parental (CAFAP) com objetivo de apoiar famílias multidesafiadas e suas crianças até aos 18 anos. Em 2002 foi-lhe concedida a condição de Unidade Emergência Infantil.

 

Ver fotografias

 

www.ahma.pt

 

Synergia Jovem

Synergia Jovem

Somos uma equipa multidisciplinar, constituída por jovens proactivos e empreendedores, com o objetivo de promover eventos e desenvolver projetos com e para os jovens bracarenses, procurando valorizar a cultura juvenil, desportiva e social. Temos vários projetos, incidindo em diversas áreas: Projeto Artes Urbanas, Synergia TV, Gabinete de Apoio ao Projeto, Gabinete de Apoio Psicológico, Projetos Europeus, Espaço Synergia, entre muitos outros.

 

Ver fotografias

 

www.synergia.pt, www.synergiatv.com

 

Cáritas Diocesana de Coimbra

Cáritas Diocesana de Coimbra

A Cáritas Diocesana de Coimbra é uma IIPSS que atua em 5 distritos da região Centro, com relevo nas áreas da educação, saúde, risco social, idosos, VIH, toxicodependência, sem-abrigo e pastoral, apoiando cerca de 12000 utentes/mês. Desenvolve também projetos inovadores e diferenciados como o CAS, o ComVida Quiaios ou Coimbra dá Sabor à Tradição. Conta com 120 respostas sociais e 6 departamentos de suporte, empregando cerca de 800 colaboradores.

 

Ver fotografias

 

www.caritascoimbra.pt

 

Suão

Suão

A Suão - Associação de Desenvolvimento Comunitário, localizada na pequena comunidade de S. Miguel de Machede (concelho de Évora), foi fundada em 1998. A Suão é promotora da Escola Comunitária de São Miguel de Machede, um espaço de educação não formal onde são concretizados projetos dirigidos a toda a população. O desenvolvimento local sustentável, a promoção da igualdade de oportunidades e o combate à exclusão social apresentam-se como ponto de partida na preparação de todas as atividades educacionais e sociais promovidas.

 

Ver fotografias

 

www.suao.pt

 

Lar Jorbalán

Lar Jorbalán

O Lar Jorbalán é uma Comunidade de Inserção da IPSS Fundação Madre Sacramento e tem como Missão acolher temporariamente jovens mulheres e seus filhos em situação de vulnerabilidade social, proporcionando-lhes um ambiente familiar, seguro e de bem-estar e acompanhá-las no seu processo de autonomia e valorização pessoal, desenvolvendo competências para a construção e concretização de um Projecto de Vida consistente, com vista à sua (re)integração social. Presta os serviços: Acolhimento; Acompanhamento social e psicológico; Grupo de Teatro Social SOS Heroínas; Formação (inFORMA-TE); Projeto CosturAR-TE – Bolsas BuLar; Dinâmica do Riso;Yoga para Mães e filhos.

 

Ver fotografias

 

www.larjorbalan.org

 

Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação da Trofa
A Delegação da Trofa desenvolve a sua missão de acordo com os Estatutos da Cruz Vermelha Portuguesa e age em conformidade com as normas do Direito Internacional Humanitário, tendentes a garantir o respeito pela dignidade da pessoa humana, a favorecer a paz, a minimizar os efeitos negativos dos conflitos e a proteger a vida e a saúde das populações.

 

Tem por objectivo melhorar as condições de existência das pessoas vulneráveis através da mobilização do poder da Humanidade e em conformidade com Princípios Fundamentais: Humanidade, Imparcialidade, Independência, Neutralidade, Voluntariado, Unidade e Universalidade.

 

Assim, a Delegação da Cruz Vermelha da Trofa pauta a sua actuação por minimizar as situações de carência social da população do concelho onde actua. Almejando, através das suas inúmeras intervenções, colmatar as situações de exclusão social na Trofa e fomentando uma sociedade que promove e sustenta a qualidade de vida, incluindo o bem-estar social, particularmente dos mais vulneráveis, bem como, a igualdade de oportunidades para todos. Tem como resposta mais visível o apoio ao nível alimentar, mas tem pautado nos últimos anos a sua intervenção pela aposta na formação, bem como na prevenção das toxicodependências.

 

 

Principais Projectos:

  • Atendimento integrado “Loja Social”: Através de um acordo entre a autarquia da Trofa e a Segurança Social, 5 instituições (CVP, Santa Casa da Misericórdia, Câmara Municipal, ASAS e Segurança Social) atendem no mesmo local e evitam duplicação de procedimentos, conseguindo até à data trabalhar verdadeiramente o atendimento integrado;
  • Programa Comunitário de Ajuda Alimentar a Carenciados (PCAAC): Apoio alimentar a cerca de 350 agregados familiares (cerca de 900 pessoas), sendo 213 dos mesmos apoiados mensalmente (cerca de 540 pessoas);
  • Plano Municipal de Prevenção Primária das Toxicodependências (PMPPT): Resultado de uma parceria com a Câmara Municipal, a Delegação da Trofa colabora com a Escola EB 2,3 de São Romão do Coronado (cerca de 60 jovens) para fomentar a escolha de hábitos de vida saudáveis;
  • Apoio em vestuário e calçado às famílias mais carenciadas;
  • Ajudas técnicas: A Delegação da Trofa possui equipamento técnico, nomeadamente cadeiras de rodas, camas articuladas, colchões anti-escarras e muletas, para assistir quem mais precisa e não pode adquirir esses equipamentos;
  • Acompanhamento psicológico: A Delegação da Trofa disponibiliza um espaço de terapia e aconselhamento a utentes acompanhados no âmbito da acção social e RSI, assim como utentes de outras instituições;
  • Membro da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens em Risco da Trofa (CPCJ), na sua modalidade restrita e alargada;
  • Membro da Rede Social da Trofa;
  • Projecto de Prevenção das Toxicodependências, TER Prevenção: Este projecto tem como objectivo o fomento de hábitos de vida saudáveis nas crianças e jovens do concelho da Trofa, através de intervenções em meio-escolar e comunitário. Estará em curso até Março de 2013 e já formou professores, pais, técnicos, jovens crianças. (http://terprevencao.com/ e http://www.facebook.com/profile.php?id=100001789718945 )
  • Curso Formação para a Inclusão “Novo Sentido”: visa aproximar ao mercado de trabalho, pessoas com baixas qualificações e recursos. (http://www.onoticiasdatrofa.pt/nt/nt/index.php?option=com_content&view=article&id=8141&Itemid=410)
  • Programa EDUCAR: apoio ao estudo de jovens, dos 6-14 anos, com dificuldades de aprendizagem e carências económicas;
  • Recolha de livros escolares para doação a famílias que não possam comportar a sua aquisição.

 

 

Com a actual conjuntura económica as situações de pobreza e vulnerabilidade sofrem um agravamento notório. Com o objectivo de proporcionar à população alguma qualidade de vida, satisfazendo as necessidades básicas, a Delegação da Trofa apresenta o seu novo projecto: “Porta de Sabores”.

 

Este projecto visa a construção de um refeitório social que deverá entrar em funcionamento no final de Novembro de 2011. No entanto, para tal ainda são necessários elementos, nomeadamente panelas, pratos, tabuleiros e detergentes, para os quais a Delegação da Trofa solicita apoio.

 

A Cruz Vermelha é uma Instituição humanitária de carácter voluntário, pelo que o Voluntariado constitui a sua essência, sendo uma outra forma de apoiar o trabalho que a Delegação da Trofa desenvolve.

 

Poderá ainda ajudar a Delegação da Trofa através um donativo monetário para o seguinte NIB: 0045 1211 4022 3569 86611.

 
= igual a