Você está aqui: Início > Investidor > Comunicados > Galp adquire participação de 20% em Norte de Carcará e aumenta a sua posição no bloco BM-S-8 (...
     
  fechar
partilhar
 
fechar
 

Galp adquire participação de 20% em Norte de Carcará e aumenta a sua posição no bloco BM-S-8 (Carcará) no Brasil 

  • 27 Out 2017
  • Exploração & Produção
 

A Galp informa que a Petrogal Brasil, sua subsidiária brasileira, a Statoil Brasil Óleo e Gás Ltd. (Statoil) e a ExxonMobil Exploração Brasil Ltda. (ExxonMobil) adquiriram uma participação na licença de Norte de Carcará na bacia de Santos, no âmbito da 2ª Rodada de Partilha de Produção. A Petrogal Brasil deterá uma participação de 20% naquela área, enquanto a Statoil (operador) e a ExxonMobil adquirem uma participação de 40% cada.

O consórcio ofereceu um excedente em petróleo (profit oil share) de 67,12%. Compromissos adicionais incluem o pagamento de um bónus de assinatura total de c.$930 milhões, ou seja, c.$186 milhões relativos à participação da Petrogal Brasil, bem como a perfuração de um poço de exploração.

A área de Norte de Carcará é adjacente à concessão BM-S-8, onde a Petrogal Brasil detém atualmente uma participação de 14%, e o qual inclui a descoberta de petróleo Carcará, no pré-sal.

No seguimento da rodada, a Statoil, a ExxonMobil e a Petrogal Brasil acordaram alinhar os seus interesses participativos nas duas licenças que abrangem o reservatório de Carcará.

Neste contexto, a Petrogal Brasil acordou com a Statoil a aquisição de uma participação adicional de 3% no bloco BM-S-8, por um montante de cerca de $114 milhões. As partes acordaram um pagamento inicial de c.$71 milhões, estando o restante pagamento sujeito ao cumprimento de determinadas condições, que incluem o processo de unitização entre as áreas de Carcará e Norte de Carcará. Esta aquisição está sujeita à conclusão da transação atualmente em curso entre a Statoil e a Queiroz Galvão Exploração e Produção, e à aprovação dos parceiros e das autoridades competentes.

No seguimento das duas transações supramencionadas, a exposição da Petrogal Brasil ao reservatório de Carcará consistirá numa participação de 20% na área de Norte de Carcará e de 17% no bloco BM-S-8.

Os parceiros acordaram que, uma vez obtida a aprovação das autoridades competentes, a Statoil será o operador do desenvolvimento das áreas unitizadas.

Estas aquisições refletem o interesse estratégico da Galp em expandir a sua presença nas áreas core, como seja o pré-sal brasileiro, selecionando para tal um conjunto de ativos de elevada qualidade a ser desenvolvido através de parcerias sólidas.

Fonte: Galp Energia, SGPS, S.A.

« voltar


Ação Galp Energia

+ informação »
  Atualizações RSS subscrever »
  Alertas Email subscrever »
 
= igual a